sexta-feira, abril 02, 2010

CAFÉ DA MANHÃ


Tela de Irene Machosvilli


A arte é assim,


Fala por si só.

Invande nosso ser,

Transporta-se para os espaços.

Utiliza-se dos materiais,

das oportunidades.

E a subjetividade de cada ser sensível,

que temos a dádiva de descobrir e conhecer,

Imprime-se nas muitas formas de expressões!

Assim mesmo, em muitos cafés,

encontros inesperados.

Tão colorido e alegre!

Como um café da manhã pode ser...

Pura beleza!


Texto de Miriam Lopes

ANALÍTICS